Hacksaw-Ridge-Doss-with-Cargo-Net-Behind-Him-2016

Publicado em novembro 30th, 2016 | Por Gabriel

0

HACKSAW RIDGE – um filme de guerra: a bíblia também é arma

Corria o ano de 1945. Desmond Doss sonhava ser médico, mas nunca estudara para tal. Numa pontual situação de ajuda médica, Doss transporta uma vítima de acidente até ao hospital. É aí que traça uma nova linha de futuro: casar-se com Dorothy, a enfermeira que conheceu no local, e alistar-se no exército americano como socorrista.

Até agora, este filme intitulado O Herói de Hacksaw Ridge (em Português) revelava-se um cliché amoroso e dramático onde, associando o amor e  guerra, adviria infortúnio para o casal. No entanto, é importante frisar que este filme se veicula por factos reais e, desde logo, a trama torna-se instintivamente mais apetecível.

Mas voltemos aos factos. Após o seu alistamento, Doss teve de lidar com a rejeição do pai – que havia servido na Primeira Guerra Mundial e conhecera o inferno – e da sua noiva, que sempre viveu com o medo de perder o seu futuro marido. Mas entre altos e baixos, Doss entra finalmente no exército. Os treinos mostraram-se bastante fáceis para Doss até ao momento de ter de segurar a arma, caracterizada como “futura melhor amiga” dos soldados, segundo o sargento. Porém, devido às suas crenças religiosas, Doss não pegaria na pistola, símbolo da matança voluntária, que se opunha aos seus princípios.

Hacksaw-Ridge-Waiting-for-Doss-To-Pray-2016

Passando pela ala da psiquiatria, desde a ameaça dos seus colegas, o Tribunal do Exército acaba por conceder o direito a Doss de ir servir no exército sem nenhuma arma. O que aconteceu.

Baseado numa história verídica, este soldado socorrista, consegue, de facto, em plena linha de combate e sem arma, apenas com as suas orações e coragem, salvar 75 soldados que haviam sido deixados para trás. Todavia, Doss não desistiu deles, salvando-lhes a vida, inclusive a do seu sargento.

Com depoimentos reais no final do filme, este torna-se uma verdadeira peça na melhor compreensão da guerra, onde mesmo sem arma, não se deixa de ser herói nem de se servir a sua própria pátria.

Para além de Andrew Garfield, o elenco conta ainda com Sam Worthington, Rachel Griffiths, Hugo Weaving, entre outros atores.

O filme chegou aos cinemas americanos a 4 de novembro de 2016.

img


Sobre o Autor

Portugês, grande fã de ficção, cultura e artes. Embora apaixonado por clássicos, aprecia todo o tipo de livros, peças teatrais e produções cinematográficas. Adora os sentimentos que o terror e o horror possam causar no espectador. A sua grande paixão passa pela História, bem como as línguas estrangeiras.



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Voltar para o topo ↑